quarta-feira, 8 de março de 2017

GLEISI RÉ CORRUPTA HOFFMAN DO PT VAI ENTRAR DE GREVE: DIA INTERNACIONAL DA MULHER ELA NÃO FODE NEM A PAU!!!



A SENADORA GLEISI HOFFMANN (PT-PR) CONVOCOU AS MULHERES PARA UM DIA DE GREVE GERAL, NESTA QUARTA-FEIRA, 8 DE MARÇO, PELO DIA INTERNACIONAL DA MULHER. MANDOU UM RECADO CURTO E GROSSO: FUDER, DE JEITO NENHUM!!! VAMOS VAMOS TAPAR COM  UM ESPARADRAPO O XICO RACHADO...


A senadora Gleisi Hoffman usou a tribuna para destacar ao presidente do Senado, Eunício de Oliveira, que o Dia Internacional da Mulher, comemorado nesta quarta-feira, 8 de março, será marcado por greves, inclusive, SEXUAL.  "Vamos fazer greve nas escolas, nas nossas casas, nós estamos chamando para que façam greve nas atividades domésticas, na área de trabalho, bloqueios de estradas, marchas e fazer abstenção de todo trabalho doméstico, INCLUSIVE ABSTENÇÃO SEXUAL”. A senadora ressaltou que o 8 de março deve ser comemorado de forma mais aguerrida, mostrando às mulheres na rua o poder que as elas têm, inclusive o de parar a sociedade  por um dia. "A sociedade tem que sentir o efeito da não presença das mulheres nesse cotidiano". A senadora aparentemente não está muito preocupada com o processo que é ré no Supremo Tribunal Federal, pois ela só pensa naquilo: NÃO FUDER NEM A PAU!!! Ao invés de FUDER com as duas mãos na cabeça para não perder o juízo, a senadora vai passar o dia todo cantarolando a música Mulheres de Atenas de Chico Jabuti, puxa-saco do Lula. Ei-la:

  
Mirem-se no exemplo
Daquelas mulheres de Atenas
Vivem pros seus maridos
Orgulho e raça de Atenas
Quando amadas, se perfumam
Se banham com leite, se arrumam
Suas melenas
Quando fustigadas não choram
Se ajoelham, pedem imploram
Mais duras penas; cadenas
Mirem-se no exemplo
Daquelas mulheres de Atenas
Sofrem pros seus maridos
Poder e força de Atenas
Quando eles embarcam soldados
Elas tecem longos bordados
Mil quarentenas
E quando eles voltam, sedentos
Querem arrancar, violentos
Carícias plenas, obscenas
Mirem-se no exemplo
Daquelas mulheres de Atenas
Despem-se pros maridos
Bravos guerreiros de Atenas
Quando eles se entopem de vinho
Costumam buscar um carinho
De outras falenas
Mas no fim da noite, aos pedaços
Quase sempre voltam pros braços
De suas pequenas, Helenas
Mirem-se no exemplo
Daquelas mulheres de Atenas:
Geram pros seus maridos
Os novos filhos de Atenas
Elas não têm gosto ou vontade
Nem defeito, nem qualidade
Têm medo apenas
Não tem sonhos, só tem presságios
O seu homem, mares, naufrágios
Lindas sirenas, morenas
Mirem-se no exemplo
Daquelas mulheres de Atenas
Temem por seus maridos
Heróis e amantes de Atenas
As jovens viúvas marcadas
E as gestantes abandonadas
Não fazem cenas
Vestem-se de negro, se encolhem
Se conformam e se recolhem
Às suas novenas, serenas

Mirem-se no exemplo
Daquelas mulheres de Atenas
Secam por seus maridos
Orgulho e raça de Atenas.

Um comentário:

  1. Essa tranqueira acho que nem para trepar presta mais !!!!!!!!!!

    ResponderExcluir