sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

LULA É UM PSICOPATA FINANCEIRO



Cláudio Humberto

A nova denúncia contra o ex-presidente Lula afirma que o petista capitaneou um “ESTRONDOSO ESQUEMA CRIMINOSO”. Os procuradores da República, no Paraná, também garantem que ele ‘FOI O MAIOR RESPONSÁVEL PELA CONSOLIDAÇÃO, DESENVOLVIMENTO E OPERAÇÃO DO GRANDE ESQUEMA DE CORRUPÇÃO REVELADO NA OPERAÇÃO LAVA JATO, TENDO SOBRE ELE DOMÍNIO DE REALIZAÇÃO E INTERRUPÇÃO’.

A acusação do Ministério Público Federal aponta que propinas pagas pela empreiteira Odebrecht ao suposto esquema liderado pelo ex-presidente CHEGARAM A R$ 75 MILHÕES em contratos com a Petrobras e incluíram terreno de R$ 12,5 milhões para o Instituto Lula e cobertura vizinha à residência de Lula em São Bernardo de R$ 504 mil.
“LULA CAPITANEOU E SE BENEFICIOU DESSE GRANDE E PODEROSO ESQUEMA CRIMINOSO. BENEFICIOU-SE DE FORMA ECONÔMICA E DIRETA, POIS, RECEBEU PROPINAS DECORRENTES DE ILICITUDES PRATICADAS EM BENEFÍCIO DE CONSÓRCIOS INTEGRADOS PELO GRUPO ODEBRECHT, EM DETRIMENTO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA FEDERAL, NOTADAMENTE DA PETROBRÁS”, afirma a Procuradoria.
“Contudo, foi seu maior benefício aquele angariado na seara política, uma vez que, PERMITINDO QUE FOSSEM DESVIADOS BILHÕES DE REAIS EM PROPINAS, PARA O PARTIDO DOS TRABALHADORES e para os demais partidos de sua base de apoio, especialmente o Partido Progressista e o Partido do Movimento Democrático Brasileiro, tornou-se politicamente forte o bastante para ver a aprovação da maioria dos projetos de seu interesse perante as Casas Legislativas e propiciar a permanência no poder de seu partido mediante a injeção de propinas em campanhas eleitorais.”
“As vantagens indevidas objeto da presente denúncia consistem em recursos públicos desviados no valor de, pelo menos, R$ R$ 75.434.399,441, os quais foram usados, dentro do ESTRONDOSO ESQUEMA CRIMINOSO CAPITANEADO POR LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA, NÃO SÓ PARA ENRIQUECIMENTO ILÍCITO, MAS ESPECIALMENTE PARA ALCANÇAR GOVERNABILIDADE COM BASE EM PRÁTICAS CORRUPTAS E PERPETUAÇÃO CRIMINOSA NO PODER”, afirma a Procuradoria.
O petista é acusado por corrupção e lavagem de dinheiro. Também foram denunciados o empresário Marcelo Odebrecht, acusado da prática dos crimes de corrupção ativa e lavagem de dinheiro; Antonio Palocci e Branislav Kontic, denunciados pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro; e Paulo Melo, Demerval Gusmão, Glaucos da Costamarques, Roberto Teixeira e MARISA LETÍCIA LULA DA SILVA, ACUSADOS DA PRÁTICA DO CRIME DE LAVAGEM DE DINHEIRO.
Nesta denúncia, a Procuradoria mirou em oito contratos entre a Odebrecht e a Petrobrás: obras da Refinaria Getúlio Vargas (REPAR), execução da terraplenagem da área destinada à construção e montagem da Refinaria do Nordeste (RNEST), terraplanagem do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), obras do Terminal de Cabiúnas (Consórcios Odebei, Odebei Plangás e Odebei Flare), construção e montagem do gasoduto GASDUC III e construção das plataformas de perfuração autoelevatórias P-59 e P-60.
A acusação afirma que ‘o esquema de corrupção’ contra a Petrobras envolveu a atuação de Lula ‘em favor dos interesses econômicos’ da Odebrecht. - As imagens e a manchete não fazem parte do texto original -



Nenhum comentário:

Postar um comentário