sábado, 6 de maio de 2017

O CASAL DA LADROAGEM A CAMINHO DA CADEIA...

A ENROLADÍSSIMA GLEISI HOFFMANN, FAVORITA PARA PRESIDIR O PT, E O EX-PRESIDENTE ACUSADO POR RENATO DUQUE DE CHEFIAR O ESQUEMA CORRUPÇÃO. 

O devastador depoimento do ex-diretor de Serviços da Petrobras Renato Duque, nesta sexta (5), colocou o ex-presidente Lula com os pés na prisão. Diretor cujos negócios sujos financiaram o PT e petistas, nos governos Lula e Dilma, Duque declarou que Lula era o “GRANDE CHEFE” da quadrilha e contou episódios que ilustraram essa afirmação, como quando o então presidente Lula lhe deu instruções para esconder em bancos no exterior o dinheiro roubado da petroleira brasileira. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder. Renato Duque não fez acordo de delação na expectativa de um milagre o salvasse da cadeia. Mas, condenado a quase 41 anos, resolveu falar. Segundo Duque, Lula o chamou após Dilma mencionar contas dele no exterior. E orientou: “NÃO PODE TER NADA NO TEU NOME, ENTENDEU?” Ladrão confesso, o ex-gerente Pedro Barusco – que devolveu R$ 267 milhões roubados – era subordinado de Renato Duque, na Petrobras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário